KACOU 22 : A EXPERIÊNCIA DO JORDÃO

(Pregada na sexta feira à noite, 14 de maio de 2004 em Locodjro, Abidjan – Costa do Marfim)

1 [Ed: Texto da pregação: 2 Reis 5:1-27]... eu ouço cada vez mais que dignitários políticos e autoridades fazem chamada secretamente a alguns profetas, pastores e presidentes de igrejas, e estes impõem as suas mãos sobre eles a fim de que eles sejam nomeados a alguns cargos ministeriais ou manter os seus cargos ou achar graça e favor perto do Presidente da República, Ministros e outros. Se os vossos negócios não andam, se vocês têm fracassos na vida, se vocês querem promoção nos vossos empregos, para o vosso casamento, se você quer entrar numa nova casa ou para tirar o feitiço dela… seja você cristão ou não, consulte os profetas ou pastores atuais e eles farão o que vocês querem! Vocês veem?

2 A Bíblia diz em Apocalipse 12:7-9 e Isaías 14 que houve guerra no Céu porque Satanás queria ser adorado como Deus. Satanás disse: «eu exaltarei o meu trono acima das estrelas de Deus, e eu sentarei sob o monte do testemunho… eu serei como o Altíssimo…». Os anjos de Deus lutaram contra Satanás e os seus anjos e os lançaram à terra. Milhões de anjos foram lançados à terra e foram esconder-se atrás das águas sagradas, estrelas, florestas e dos bosques, festas, ordens místicas em todos os países. Ao invés de demônios ou anjos caídos eles foram chamados em África: gênios benfeitores. E esses gênios suscitaram fetichistas poderosos. Eles foram adorados e o seu primeiro desejo foi alcançado. Os mais poderosos dentre eles eram na verdade deuses, especialmente no Egipto, com os Incas, na Babilônia, Índia e outros.

3 De acordo com Apocalipse 14:6-8, o Evangelho ordenou a humanidade para se desviar desses demônios. Pela primeira vez, nós sabemos que os fetichistas, os adivinhos, os astrólogos eram profetas de Satanás. Depois dos reis, eram os fetichistas e os marabus que viveram uma vida confortável: cabritos negros, ovelhas, galinhas brancas, garrafas de licor…

4 Alguns dignitários políticos e autoridades chamam-lhes secretamente para promoção em postos ministeriais e para mantê-los nessas posições. Se os vossos negócios não andam, se têm fracassos no casamento, no emprego, a vossa casa está assombrada ou enfeitiçada… consultem esses fetichistas, charlatões e marabus!

5 E vejam hoje esses profetas, como eles são ricos! Eles são fetichistas disfarçados, sem exceção. Os altares e lugares altos de 2 Reis 17:29-31, os mesmos altares de 1 Reis 11:5-7 se tornaram em igrejas, missões e ministérios hoje.

6 E quando o Estado dá a sua aprovação a uma dessas igrejas, missões e ministérios, é o feiticismo que é legalizado.

7 E agora vocês escutam nas suas manifestações: «Sobre o patrocínio do Senhor Jesus Cristo e na presença real do Espírito Santo…» Vocês veem? E me foi dito que em algum lugar, eles colocaram uma cadeira de honra com um pano branco nela. Vocês pregadores de fetiches modernos, lembrem-se disso, quando esses mesmos gênios que vocês chamam de Jesus Cristo ou espíritos santos estavam nos arbustos, os vossos pais agiram assim, colocando assentos e cadeiras cobertos com panos brancos. Vocês não deviam o ignorar[Ed: A congregação diz: «Amém! »].

8 Bem! Agora vamos ler 2 Reis 5 [Ed: O Irmão Philippe lê todo o capítulo de 2 Reis 5]... bem! Através de uma menina, o Ministro da Defesa da Síria foi a Israel ao profeta Eliseu, o único profeta verdadeiro do seu tempo para obter a cura de sua lepra.

9 Primeiro o Ministro Naamã foi ao lado do rei de Israel para receber boas vindas oficiais com honras militares a fim de que a mídia pudesse transmitir aquilo. Eles tornaram isso numa coisa oficial. Então vejam o versículo 9, o ministro Naamã indo em direção à pequena casa do profeta Eliseu com tanques de guerra, cavalos, unidades de elites, batalhões de tanques blindados, esquadrões blindados. Tudo isto para dizer ao profeta Eliseu que aquele que estava vindo não era uma pessoa qualquer. As pessoas saíram às ruas para assistir o cortejo com sirenes e desfile de motocicletas…

10 Tudo isso sem mencionar o discurso que ele poderia pronunciar, declarando os seis mil pedaços de ouro e os dez milhões de dólares como ele tem feito sempre noutras igrejas sobre aplausos. A uma distância, eles escutaram sirenes, depois os motociclistas fizeram a sua aparição, o ministro Naamã e todo o regimento não estavam mais distantes…

11 Eles vieram e levantaram-se do lado de fora aguardando as honras do profeta Eliseu, mas eles encontraram o profeta errado. Vocês veem? Quando Naamã chegou à habitação de Eliseu, ele disse no seu coração: « Mas onde estão as decorações que reportam a minha chegada? As Crianças nem deveriam mesmo ir à escola hoje devido a minha chegada. Ou, ele não está aqui? ». [Ed: A congregação diz: «Amém! »]. Mas na verdade estava lá! Vocês veem?

12 Mas Eliseu viu do lado de fora um pobre sírio cegado pelas riquezas e glórias deste mundo e a quem os tormentos do inferno estavam reservados se ele não se arrependesse. Eliseu viu a lepra do seu corpo, da sua alma e do seu espírito e o remédio era a experiência do Jordão. Eliseu cheirou por traz daquela farda ou daquele casaco o fedor da corrupção. E foi isso!

13 Naamã também queria as honras desse profeta solitário, mas Eliseu enviou um mensageiro para lhe dizer: «Vai se lavar no Jordão sete vezes, e serás puro». Naamã ficou irado!

14 Ele começou a entender que ele, Naamã, o grande servo da pequena Síria não era nada diante do pequeno profeta do grande Deus. "Como pode ele me dizer para ir lançar-me numa água lamacenta como o Jordão! Não são o Farfar e Abana, rios da Síria melhor?". Naamã acrescentou: «foi isso planeado para que me batizasse? … E o profeta ele mesmo, ele não vem e é um pequeno que ele manda? ». Os servos de Naamã disseram: «Mestre, aceita! ...» Mas Naamã disse: eles nem planearam os uniformes para o batismo! E os seus servos repetiram: «Mestre, aceita!...» Vocês veem? Amém!

15 Ele precisava da cura, mas ele queria cura em grandeza. Naamã nem estava preparado para ajoelhar-se porque o seu vestido poderia se sujar nos joelhos. Ele disse: foi isso planejado para que eu o fizesse isso? Foi isso planejado para que eu fizesse aquilo? Os seus servos disseram: «Mestre, se o profeta te ordenasse fazer alguma grande coisa, não o terias feito? Quanto mais, quando ele fala para ti, lava-te e seja limpo? Mestre, aceita! …». Veja o versículo 11: «Naamã irritou-se, foi e disse, eis que eu me dizia: que ele certamente sairia, e levantar-se-ia, e clamaria o Nome de Jeová seu Deus, e passaria as suas mãos sobre o lugar e curaria a lepra». Vocês veem?

16 Enquanto vinha, Naamã já tinha feito o plano das suas boas-vindas e da sua cura. Mas… estando na Síria, se ele, Naamã, soubesse que seria tratado como uma pessoa comum, ele não viria. Oh! Pobre Naamã! Mas finalmente, ele lavou-se sete vezes no Jordão e a lepra deixou-lhe e ele ficou limpo. Amém! Ele regressou para o Eliseu que pregou o Clamor da meia noite para ele, depois disso, ele disse a Eliseu que ele não ofertaria mais holocausto a outros deuses, em nenhuma igreja. Ele mudou, ele não mais desejou discursos de boas-vindas, a cadeira de boas-vindas porque ele fez a experiência do Jordão .... Oh! Experiência do Jordão!

17 No versículo 9, Naamã queria levantar-se no púlpito para dar o seu discurso na qual ele poderia declarar os seis mil pedaços de ouro e os dez milhões de dólar em dinheiro e a sua intenção de asfaltar a aldeia de Eliseu e mandar lá a eletricidade, a água potável e a maternidade. Apesar das realezas, ele poderia mostrar as boas relações entre Israel e a Síria. Vocês veem? Ele poderia dizer: «... eu, humilde Naamã, ministro da defesa da Síria três vezes prêmio de medalha de honra… Cavaleiro da ordem de mérito de tal e tal país! …». Vocês veem? Faltou-lhe apenas uma coisa: a experiência do Jordão. Vocês veem? Ele só faltou uma coisa: a experiência do Jordão. Ele queria fama e grandeza humana, mas não a Salvação. E é a mesma coisa hoje, com os nossos ministros e presidentes homossexuais, pessoas cheirando álcool e pecado que não querem a experiência do Jordão e o profeta que Deus enviou-lhes. [Ed: A congregação diz: «Amém! »] Vocês veem?  

18 A verdadeira lepra daquele ministro, eram as suas listras, a sua riqueza, os seus tanques e a sua casa luxuosa que fizeram-lhe acreditar que ele era alguma coisa. Vocês veem? Naamã disse no versículo 11 que ele pensou que o profeta ele mesmo viria e ordena-lo-ia um jejum seco de três dias ou uma grande oferta. É por isso, que ele preparou os seis milhões de dólares, ele sabia que os profetas gostam de dinheiro. Ora, ele só tinha conhecido até então, os profetas de Baal. Os profetas das igrejas de Farpar e Abana gostam de dinheiro. Vocês veem? Mas depois da experiência do Jordão, ele disse: «Eu não vou subsidiar ou patrocinar mais qualquer coisa, mesmo se isso me custar a posição de ministro, deputado, prefeito… Eu não colocarei as primeiras pedras desordenadamente...».

19 O homem quer as igrejas de farpar com praias limpas, mas o que eles precisam, é a experiência de Jordão com o profeta vivo do seu tempo.

20 E depois da experiência de Jordão, o Ministro Naamã fez-se servo de Eliseu, repetindo cinco vezes que ele é servo de Eliseu. Pela primeira vez este Ministro deu conta que haviam duas adorações, dois tipos de igrejas e profetas. No versículo 10, Naamã não tinha entendido que ele era inferior ao mensageiro Eliseu, mas agora ele entendeu. Naamã notou que os reis, os Ministros, os Deputados, os Prefeitos, os pastores, os padres, os profetas, os reverendos e os Presidentes da terra precisam da experiência do Jordão. Vocês veem?

21 Por trás desse homem autoritário e arrogante, por trás dessa glória vã e as riquezas, escondia-se um filho de Deus, um homem humilde que a sociedade tinha destruído. Uma sociedade que ele mesmo não conhece senão as igrejas de farpar e os reverendos Geazi...

22 O senhor Ministro, Deputado, Prefeito, quando vocês os outros, vocês terão um lugar honorável numa igreja, quando vocês estarão inaugurando ou a patrocinar uma atividade religiosa, se vocês aceitam isso, então a lepra de Naamã está sobre vocês e vocês precisam da experiência do Jordão.

23 Se vocês forem à igreja para procurar o voto nas eleições, se vocês fizerem doações para a igreja para ganhar favores dos homens para as eleições então à lepra de Naamã está sobre vocês e eles são as igrejas de Farpar e o revendo Geazi é o pastor.

24 Se na congregação, o pastor tem uma cadeira especial, isso não é o Jordão. Pode o Senhor Jesus ser distinguido dos seus discípulos? Será que não disse Judas: «Aquele que eu beijarei, é Ele». É o servo maior que o seu mestre? Os filhos do diabo estão agora sentados sobre o jumento de Jesus.

25 Vocês, profetas e presidentes de igrejas desçam e venham para o Jordão! Abandonem as praias confortáveis de Farpar e Abana!

26 Essa igreja onde o pastor ou profetiza ou profeta senta ali na plataforma, diante da congregação, isso é Farpar e o reverendo Geazi é o pastor. Algumas mulheres insolentes, algumas mulheres em menstruação sentadas na plataforma, são umas filhas do diabo. E é Jezabel que disse as suas filhas para agirem assim como ela própria senta no trono real quando acabe não está lá. Somente uma neta de Jezabel pode sentar lá em frente dos homens, sem estar perturbada no seu coração. Filhas de meretrizes, insolente como suas mães! Vocês veem? Uma igreja de Farpar pode fazer isso e o reverendo Geazi é o pastor.

27 Essa igreja com o ar-condicionado, o tapete, que permite a televisão, teatro, futebol, praias, … é Farpar e o reverendo Geazi é o pastor. Nessa igreja onde a mulher sentada com cabelo falso, calças, unhas pintadas, … onde as mulheres estão no púlpito para a pregação ou cantos, isso é Farpar e Geazi é o pastor. Essa igreja cujo pastor tem um grande carro e cujos fiéis da igreja são pobres, é o Farpar e Eliseu pregou contra isso no versículo 26. Eles têm carros e táxis de transportes, ações em companhias, fundações, assim por diante… é o Farpar e o reverendo Geazi é o pastor. [Ed: A congregação diz: «Amém! »].

28 Eliseu condenou isso no versículo 26, eles são os filhos de Geazi e Eliseu pregou o Clamor da meia noite para eles. O que eles precisam é a experiência do Jordão. Naamã o Ministro da Defesa precisou da experiência do Jordão. Naamã o Ministro da Defesa precisava de uma igreja onde o seu telemóvel pode tocar no meio da pregação, onde a pregação não é contra o luxo e o lazer, onde o turismo não é condenado, onde a homossexualidade não é condenada, uma igreja de acordo com os seus gostos, onde ele seria batizado numa piscina limpa ou batistério.

29 Na verdade, Naamã estava procurando um desses pregadores de fetiches com casacos e bíblias na mão, mas ele se cruzou com um autêntico profeta de Jesus Cristo.

30 Quando você vai a uma vigília de oração desses pregadores de fetiches, se és duma igreja católica, protestante, evangélica ou branhamista não importa, explica os teus problemas! Mas Eliseu requereu a experiência do Jordão primeiro, sim! A experiência do Jordão. Ele pregou o Clamor da meia noite a este Ministro! Senhores e senhoras, os Ministros, Deputados, Prefeitos, Diretores, Presidentes… vocês querem ser curados da lepra, do câncer, das úlceras, da sida? Desçam primeiro ao Jordão! Procura pela experiência do Jordão! Se um homem se diz um homem de Deus e se ele se consente em adorar ignorando a experiência do Jordão, ele é um fetichista!  [Ed: A congregação diz: «Amém! »].

31 Algumas autoridades pedem orações a esses « profetas » nas suas casas em secreto, muitas vezes no quarto para uma nomeação. Em vez de cabras brancas ou galinhas pretas, eles lhes pedem para jejum e assim veja como esses assim chamados profetas engordam, exatamente como os fetichistas da aldeia, com casas e carros luxuosos, casacos americanos em vez de peles de ovelhas. Não são esses os profetas, os porta-vozes de Deus, que vos ensinaram que o ouro e a prata pertencem a Deus e que esses mesmos profetas ao exemplo de Elias e João Batista vestiam-se com peles de animais? Vocês veem? Vocês pregam outro Evangelho e os filhos de Eliseu recusarão isso! [Ed: A congregação diz: «Amém! »].

32 E eu abandonarei a abençoada e relaxante floresta que me viu nascer para ir passar férias na Europa? Nós nunca aceitaremos subsídios, nós nunca pediremos por subsídios ou patrocínio de um homem. Nós nunca aceitaremos a colaboração e amizade de uma igreja. Experimenta o Jordão primeiro! Um Presidente ou Ministro nunca nos convidará na mesma mesa com vocês! Ninguém nos convidará na mesma mesa com os católicos, batistas, quadrangulares, assembleias de deuses e pentecostais, … que eles procurem a experiência do Jordão primeiro!...

33 Mesmo pela doença de um parente, eu o ajudarei a descer o Jordão primeiro. Seria uma iniquidade para eu orar para eles enquanto eles ainda adoram os deuses batistas, pentecostais, branhamistas, CMA, reavivamentos, adventistas, católicos, nazarenos, … enquanto eles se deixam impor as mãos por esses pregadores de fetiches em casacos, eles correm para as suas vigílias de oração. Vocês veem? Eles devem cortar todos os laços com os pastores e igrejas de Farpar. Eu Kacou Philippe, escravo de Jesus Cristo, eu não tenho nenhum poder, mas é em confirmação desta Mensagem que Deus concedeu graças e bênçãos para mim e eu nunca orarei para alguém de fora desta Mensagem por receio que ele acredite que é o Jesus cristo da sua igreja que o curou. Nós prestaremos conta a Deus pelo uso daquilo que Ele nos deu. [Ed: A congregação diz: «Amém! »].

34 Quando Naamã foi curado, ele percebeu que não há Deus exceto O de Eliseu e que nunca deveria ir prostrar-se a outro. Como poderia eu orar por um católico, um protestante, um evangélico ou branhamista, homossexuais assim? Como o farei enquanto que eles adorarão ainda o seu deus? Que Deus me reserve disso! Como orarei para alguém que diz: «igreja é igreja, é o mesmo [deus]»? Nem pelo meu pai nem pela minha mãe eu farei isso, a não ser que Deus lhes abra o espírito para entenderem isso! E se nós nos enfraquecermos que Deus nos sustente!

35 Não diz a Bíblia em Deuteronômio 13:1 que se aí, se levantar um profeta que realizando milagres ou dando revelações verdadeiras e diz: «vamos à igreja batista, vamos à igreja quadrangular, vamos à igreja evangélica, pentecostal, assembleia de deuses… vamos a tais igrejas, missões ou ministérios...» não vão lá? Não são essas igrejas os lugares altos de 2 Reis 17:29-31 e os deuses Dagon, Adrameleque, Baal, Rimon, Baal-Belzebu, Chemoch, Moloque, … não são eles todos chamados Jesus Cristo hoje?

36 E não enviou Deus esta Mensagem para desvelá-los? Não diz a Bíblia em Mateus 24:24 que se levantarão falsos cristos do abismo? Como pode alguém chamar-se profeta, isto é, porta voz de Deus enquanto ele não tem Mensagem e que tudo que ele diz, são somente recitações das Bíblia. Ele mete-se a realizar milagres para confirmar qual Mensagem? Como pode um profeta fundar uma igreja, missão ou ministério sob a Bíblia em vez de trazer uma Mensagem nova que a humanidade não sabe? Eles são adivinhadores e pregadores de fetiches mesmo se estão com casacos, com as bíblias nas mãos. Não há dois Eliseu ou dois Jordão. Eles são todos pregadores de fetiches e o jejum que eles vos pedem são uma imagem de cabras negras ou galinha branca.

37 Para os escolhidos, os verdadeiros Naamã, a Bíblia diz em Mateus 25:6 e Apocalipse 12:14-17 que o Evangelho virá e leva-los-a distante da sedução… distante das igrejas católicas, protestantes, evangélicas e branhamistas, incluindo todas as assim chamadas igrejas reveladas ou restauradas … distantes desses falsos profetas. Vocês veem? E como no tempo de Noé, fora desta voz que vocês ouvem hoje, não há Salvação em nenhuma parte. No dia do julgamento, vocês não dirão que vocês não foram advertidos! E que o que tem ouvidos para ouvir ouça!